Arquivado em la Categoría » Mesas de marmores «

terça-feira, outubro 26th, 2010 | Author:

Mesa de marmore

A tarefa parecia titânica, mas a aventura foi menos arriscada do que inicialmente se previa.
Aprendi observando – diz-nos o pintor -. Primeiro, os verdadeiros mármores: uma pequena mesa do séc. XVII em mármore dos Pirinéus, depois outras mesas, tampos de aparadores, etc. Olhem os falsos mármores das pequenas igrejas barrocas das aldeias, pintados inocentemente pelos artistas locais; esses, freqüentemente, jamais haviam visto verdadeiros mármores! É a irregularidade, o lado espontâneo e rápido da execução que constitue o charme do falso mármore. Há que ter o sentido do ritmo, ser um pouco instintivo e não se aplicar muito! O importante é o gesto!

Compartilhe no:
  • Orkut