sexta-feira, setembro 02nd, 2011 | Author:

Como montar uma sala de estar

A chuva, velha conhecida do arquiteto, precisou ser enfrentada com rigor 0 granito bruto usado na fachada recebeu uma camada de silicone. Já o madeiramento foi alvo de atenção especial. “O eucalipto costuma perder água e volume e, com isso, rachar ou empenar. Usei alguns segredinhos”, lembra. Como não usou autoclave, iniciou o tratamento da madeira antes mesmo de cortar a árvore. “Primeiro, é preciso que a operação seja feita em meses sem a letra ‘R’ (maio, junho, julho e agosto) e em Lua minguante. É feito um corte na base do caule ou fus-te, de modo que a árvore seque de pé. Após 25 dias, preparamos uma cama com folhas secas e gravetos para a queda da árvore, evitando o choque com o solo e uma conseqüente tensão em suas libras internas. As peças são então descascadas e imersas em uma solução de Pentox por mais sete dias”. O arquiteto providenciou braçadeiras metálicas nas extremidades dos troncos, que são apertadas periodicamente à medida que a madeira vai secando.

Compartilhe no:
  • Orkut
Você pode acompanhar os comentários desse post através do RSS 2.0 feed. Você pode ou mandar um, or trackback do seu site pra cá.
Deixe um comentário » Log in